Vejam o que o empreendedores espertos fazem e repita! | Afro Negócios

Vejam o que o empreendedores espertos fazem e repita!


Vejam as dicas de  empreendedores espertos e coloque em prática!

1. Analise seu perfil e decida-se pelo seu tipo de empreendimento

Cláudia Bittencourt fundou, em 1985, sua própria consultoria: o Grupo Bittencourt. O negócio dá aconselhamento em áreas como a expansão de negócios por franquias. O que todo empreendedor iniciante deve saber? O conselho de Cláudia envolve a área de atuação da empreendedora: antes de tudo, é preciso decidir se você prefere negócios próprios ou uma unidade franqueada. “É preciso identificar qual o seu perfil como empreendedor, e qual empreendimento irá satisfazer suas necessidades pessoais e profissionais. Considere se você está disposto a correr riscos, investindo em uma iniciativa própria, ou se prefere contar com um negócio já estruturado, como as franquias.”

2. Pense em um empreendimento que reflita seus valores

A empreendedora Heloísa Bacellar criou o restaurante Lá da Venda em 2009. Hoje, além da unidade matriz, possui um quiosque no Shopping JK, em São Paulo, e uma loja de fábrica, o Lá da Vendinha. O que todo empreendedor iniciante deve saber? A chef e empreendedora recomenda pensar, antes de tudo, em um conceito de empresa que se encaixe no seu estilo. “Assim, você humaniza seu negócio, trabalhando com algo que reflete seus valores”, explica. “Eu jamais poderia ter um fábrica super mecânica, por exemplo: é o contato com as pessoas que me motiva.”

3. Não tenha medo de compartilhar sua ideia

O GetNinjas é uma plataforma de contratação de serviços. Criada em 2011 pelo empreendedor Eduardo L’Hotellier, a empresa já conta com mais de 120 mil profissionais cadastrados. O que todo empreendedor iniciante deve saber? L’Hotellier afirma que ter medo de contar a ideia para alguém é um erro comum dos empreendedores iniciantes. “Muitas vezes você precisa de um olhar de fora, uma solução simples que não precisa vir de outro empreendedor, necessariamente”, afirma. “Quando decidi abrir minha empresa, contei para algumas pessoas e algumas semanas depois um amigo me deu uma ideia incrível: ao invés de demorar meses para montar uma estrutura online, por que não contratar um protótipo pronto e personalizar em seguida? Com isso, economizei dinheiro e meses de trabalho. Se tivesse guardado a ideia só para mim, tudo teria sido mais complicado.”

4. Seja diferente do que já existe

A Stoodi é uma startup de educação à distância (EAD) criada em 2013. A plataforma dos empreendedores Daniel Liebert, Gustavo Uehara, Nilson Junior e Vinicius Neves já conta com 200 mil usuários cadastrados. O que todo empreendedor iniciante deve saber? Segundo Liebert, é fundamental que os empreendedores iniciantes identifiquem um problema relevante – ou seja, que as pessoas pagariam para resolver – e, principalmente, que eles analisem se o futuro negócio solucionará essa dor de uma forma melhor do que a solução existente. “É importante que o empreendedor tenha clareza de quem são seus concorrentes e o que eles oferecem. Sem um diferencial, é possível competir, mas a luta será muito mais dura.”

5. Sabendo dos riscos, entre de cabeça

A Maria Brasileira, rede que agenda serviços de limpeza residencial e comercial, foi criada em 2012 e entrou para o franchising no ano seguinte. O que todo empreendedor iniciante deve saber? Felipe Buranello, sócio-diretor da marca, afirma que todo empreendedor iniciante tem de conhecer os riscos envolvidos na nova carreira – e estar disposto a entrar de cabeça. “Eu, por exemplo, abri mão de um salário garantido no meu antigo emprego para apostar na minha própria rede”, explica o empreendedor. “Porém, trabalhar para sua própria empresa e ver de perto uma marca criada por você mesmo se transformar em líder de mercado é um prazer indescritível e imensurável.”

8. Não tem tempo ou dinheiro para cursos? Leia!

A Hope é uma rede de lojas de roupa íntima feminina inaugurada em 1966. A marca funciona hoje pelo franchising e tem 150 lojas operando. O que todo empreendedor iniciante deve saber? Sandra Chayo é filha do fundador da rede e atua como diretora de marketing do grupo. Para ela, a capacitação também pode ser feita pela leitura. “Hoje em dia, há livros específicos para todos os assuntos, desde gestão até temas mais técnicos. Cada vez que começo um projeto novo na empresa, compro todos os livros sobre o assunto.”

468 ad
error: Conteúdo Protegido!